"Pane Caserrecio Maizena" - "Pão Maizena"




Fonte - Merecidos Créditos: Nos anos 90, a Maizena publicou com foto na caixa amarela a receita do Pane Caserrecio. Era a foto de um filão comprido polvilhado de alecrim.





Pane Caserrecio é uma versão Maizena caseira idêntica do Pão Italiano Bola de padaria (aquele que a gente costuma rechear de Caponata ou Sopa Creme).

O Pão Italiano é um pão de Casca grossa e dura, com miolo firme com um gostinho levemente azedo de fermento de pão. As receitas dele sempre são 60 g de fermento fresco para 1 kg de farinha de trigo ou o fermento para pão natural (de receita mãe). Fermento natural de receita mãe é aquele que pode durar até 20 anos, desde que você prepare 1 receita de pão no mínimo a cada 2 dias.

Para quem não é fã do miolo azedinho do Pão Italiano comprado, vai amar esta receita. O Pane Caserrecio Maizena tem um azedinho, que vem da 1 xícara (chá) de Maizena que a receita pede, mais discreto no sabor, agradando muito. Mesmo servindo ele quentíssimo o miolo dele é firme, no ponto para rechear com Sopa Creme se quiser. O mais gostoso deste Pane Caserrecio sem dúvida é casca dele. A gente quer comer a casca da lateral, de cima e de baixo. Ainda mais que servi ele quentíssimo, acabado de assar. De tão quente, só deu para desenformar com luva.

Da próxima vez, vou assar ele em formato de Bola. Riscando a superfície com um Pão Italiano de Padaria.
Todo o Pão Italiano é um pão de sabor totalmente neutro, que só fica bom passando nele alguma coisa muito gostosa. Manteiga ou Requeijão fazem dele um pão sem graça. Pão Italiano é predileto das brusquetas, dos crostines, dos croustons (besuntados em azeite gostoso), recheado de Sopa ou Caponata. Por isso hoje eu servi ele com Carne Louca de Acém Desfiado (sobrinha do almoço), que estava especialmente delicioso!


Pane Caserrecio Maizena:
  • 30 g fermento fresco para pão
  • 1 xícara (chá - 250 ml) água morninha
  • 5 g - de sal (1 colher de chá cheia)
  • 30 ml - óleo de milho (3 colheres de sopa)
  • 120 g - Maizena (amido de milho - 1 xícara de chá de 250 ml ou 13 colheres de sopa cheias)
  • 450 g - farinha de trigo (ou 3 xícara de chá - a minha massa pediu certinho só 2 e 1/2 xícaras) - cuidado, marcas famosas diminuiram a qualidade da farinha de trigo no Brasil,  faça exclusivamente com farinha de trigo com no mínimo 7% de proteína, leia no ato de comprar a tabela da embalagem
Para fazer a Casca Dura:
  • gema pura pincelada
  • polvilhar farinha de trigo
  • opcional - polvilhar alecrim (da próxima vez eu polvilho orégano)

Pilotando a Cozinha: A massa é preparada na mão mesmo. Como eu hoje estava a todo vapor com massa de bolo na planetaria, eu preparei este pão nela, foi vapt-vupt. A receita não pede açúcar, por isso começe dissolvendo o fermento na água morninha. Nela dissolva o sal e o óleo. Não vai nada de ovo, receita simples. A minha massa pediu só 2 e 1/2 xícara de farinha de trigo.
Ela pede 2 crescimentos. Para o 1.o crescimento, coloquei numa tigela e fecheu com um saco amarrado, levou uns 45 minutos para crescer (o dia estava frio). Então deitei a massa crescida na fôrma torteira, que nisso muchou toda (que untei com margarina e farinha de trigo por minha conta própria). Vedei no saco, como o dia estava frio, levou 1 hora para crescer de novo. Crecida inflada de ar, pincelei com gema e alecrim (da próxima vez eu polvilho orégano). Assou com 20 minutos só de forno. Estava inflado de ar, foi vapt-vupt dentro do forno, 20 minutos são suficientes para o Miolo assar e para criar Cascão gostoso de comer.





Acém de Boi

A proteína mais magra que o Frango.

Acém sempre foi uma mistura, principalmente o boi ralado da minha família. Minha mãe Dona Selma, sempre dizia que tudo que se prepara com Acém fica gostoso de comer, além de ser mais barato no bolso.

Bolonhesa de Acém moído é mais gostoso de comer, expressão firmada pela minha mãe desde que começei aprender a cozinhar. Acabei descobrindo no Receita Minuto do Chef Daniel Bork na Band, que outros Chefs de cozinham tem a mesma opinião de Dona Selma.

No programa Receita Minuto, 2 Chefs (um árabe e outro italiano) confirmaram que nos restaurantes deles, só preparam carne moída de Acém moído, porque é mais saboroso que o Patinho (mesmo que venha com um pedaçinhos de branquinho no meio do vermelho da carne).

O Chef Samir Sauek do Restaurante Folha de Uva de São Paulo (nos Jardins), lá no Receita Minuto, falou que Kafta gostosa é com Acém moído.

O Chef Alex Atala no GNT no programa Mesa pra Dois, ensinou uma regra que eu peguei para mim. Rosbife fatiado faça de Lagarto. Já a Carne Louca (desfiada) faça só de Músculo ou Acém desfiado, de preferência Músculo. Chef Alex Atala disse que não tem sentido fazer Carne Louca de Lagarto desfiado. Lagarto é uma carne menos saborosa que o Músculo ou Acém, além de ser bem mais cara. Desde então Carne Louca (desfiada) aqui em casa é só de Acém ou Músculo.

Você Sabia, isso me surpreendeu muito... No programa Domingo Espetacular da Tv Record, o apresentado pelo jornalista Paulo Henrique Amorim, neste ano, explicou que a última pesquisa médica internacional publicada, fez a Organização Mundial da Saúde recomendar a seguinte prioridade de comer protéina:

1.o lugar - Peixe (principalmente sardinha e salmão)
2.o lugar - Lombo de porco (só o lombo, o pedaço nobre, para quem não sabe é completamente magra).
3.o lugar - Acém de carne de boi (cozida, desfiada ou moida)
4.o lugar - Frango
5.o lugar - Outras carnes vermelhas.

Isso mesmo o Acém de boi é considerado mais magro que qualquer almoço com Frango. Incrível! Confesso que para mim foi a informação do ano.





Site
https://www.facebook.com/bolospriscila

                  

Comentários

Andreia disse…
Oi Priscila estou atras dessas receitas da caixa de maizena so tenho as 3 novas,você tem outras? Se tiver coloca pra gente por favor quero colecionar.Obrigada.
Anônimo disse…
Fiz e adorei adoro as receitas da maizena também quero mais receitas da caixa de maizena se puder ajudar obrigada.