Total de visualizações de página

.

segunda-feira, 14 de junho de 2010

"Almondegas de Biscoito Cream Cracker" do "Chef Jamie Oliver"



"Meatballs Crackers by Chef Jamie Oliver"
Almondegas de Biscoito Cream Cracker





Almondegas de Biscoito Cream Cracker
Chef Jamie Oliver
Revolution Food

Ingredientesrendeu 38 almondegas pequenas
almoço para 6 pessoas (6 bolinhas para cada)

  • 500 g de carne moída (Jamie manda usar o que tiver, boi, porco e até peito de frango, para não ter desculpas o povo ir para cozinha mesmo, se tiver pouquinho de cada deve misturar...)
  • 12 biscoitos cream cracker, quebradinhos entre os dedos (ou qualquer outro biscoitinho de sal) - registrados como soda crackers ou breadcrumbers nas receitas em inglês
  • 1 ovo
  • 2 colheres (sopa) mostarda Dijon
  • sal
  • pimenta-do-reino moída
  • 8 galhos de salsinha (eu coloquei a olho)
  • oregano - esse ele não pediu, coloquei por conta...

Variações do Jamie Oliver

Essa receita é especial.  Faz parte do projeto do Jamie Oliver (conto abaixo), tem história real envolve esta receita em todo  programa tv e o livro Revolução na Cozinha . Jamie tentou ensinar os britânicos fazer e comer comida fresca, preparada em casa. Os britânicos são um povo absurdamente preguiçosos, tudo revelado pelo Jamie Oliver, pior ainda,   do tipo nada de cebola, nada de picadinhos, nada de verdinhos, nada de nada de algum coloridinho... Jamie pede para britânico, fazer esta receita pela 1.a vez na versão acima basica de tudo, come, descobre que é 1 bolinha deliciosa. A evolução dos britânicos, que nas 2.a, 3.a, 4.a vez, vá acrescentando alguma coisa diferente, principalmente colorida,  para reapreender a comer comida fresca. Jamie sugere a seguinte revolução, acrescente: 
  • cenoura crua ralada
  • abobrinha crua ralada
  • aveia
  • nozes e frutas secas picadinhas

Pilotando a Cozinha com Priscila:

1 - Pique com os dedos meio pacote de biscoitos cracker (qualquer marca, simples ou saborizada), 12 a 15 deles.


2 - Não é para ter desculpas, use a carne que tiver em casa: Moida de Porco, Moida de Boi e até Peito de frango... Abaixo é carne moida de boi, acém.

3 - Acrescente 1 ovo e 2 colheres de sopa de mostarda. Reconheço que o biscoito tempera sim, mas tem que temperar ainda... O resto é temperando e ir experimentando, corrija com sal, pimenta-do-reino. Eu ainda coloquei orégano. Cheiro verde ele manda colocar mesmo, para a família britanica voltar a ver toques de verdinho na comida deles.

Tudo para no futuro a turma conseguir garfar folhas...
Bem nessa estoria, até eu tenho
reconheço o meu fracasso com meus filhos.

4 - Molhe as mãos na água e faça bolinhas. Modelei 1 colher de sobremesa de massa crua. A principio apareciam até grandinhas. Fritando encolhem muito, se tornam mínimas. Feito agora e frito agora, é Almondega crocante, nisso o biscoito foi uma ótima ideia!

Fritei toda a receita. Contei 6 para cada o prato, o que sobrou frito servi assim, num pratinho a parte na mesa do almoço, com o restinho de parmesão ralei na hora e fioszinhos de azeite, para o parmesão grudar nas Almondegas do Jamie Oliver. O finalmente do almoço foi o repeteco de gulosos extra tipo finger-foods.


Propaganda do GNT - Globo

Book Livro
também vendido no Brasil em portugues

Revolução na Cozinha por Jamie Oliver:

1 - Na epóca a GNT na Globo fez até um merchan propaganda fantástico nos comerciais, pre anunciando o novo programa do Jamie, fiquei anciosa para assistir. Assisti todo o programa. Foi uma decepção para mim, que achei ingenuamente que era uma Revolução na Cozinha para mim, para os brasileiros. 

2 - Jamie Oliver revela ao planeta todo, no programa Revolução na Cozinha, o vergonhoso atual comportamento dos britânicos, do que eles comem em casa, no dia a dia de segunda a domingo. Imaginamos que fazem comida meia boca. Não, a história é muito pior, é total fracasso, comportamento vergonhoso  da sociedade britânica atual. 

3 - Jamie começa apresentando, a realidade das famílias britânicas. Entra nas casas, conversa, abre os armarios, e.... Mães em casa com 2, 3 filhos pequenos, cozinham nada, nada, de nada. Tudo, almoço e jantar, chega de motoboy delivery, segunda a domingo, 7 dias da semana, absurdamente vergonhoso. Se chega-se uma marmita de comida fresca excelente, era ótimo, chega frituras, comida indiana tem muita coisa boa, britânicos compram só a comida indiana + faz mal a saúde, a comida italiana + calórica,  e tantas coisas absurdas se tornaram  a péssima comida  do dia a dia dos britânicos. Armários, geladeiras. que só tem bolacha, chips, catchup, mostarda. Não tem nem alho, nem cebola em casa, não tem arroz, não tem macarrão, não tem nem batata. Gastam todo dinheiro entra em casa, 100% com comida comprada, falta dinheiro para remédio, para roupa, até para pegar ônibus, um absurdo total, a preguiça da família britânica de fazer comida em casa,  priva a família inteira das outras necessidades. Depoimento desta mulherada britânica foram todas no maior   d r a m a ...  Ouvi-las foi me irritando,  e com  Jamie Oliver também... Jamie sai dessas casas,  dessas visitas, inconformado, irritado, incomodado, revoltado... Mulherada britânica, mães, com crianças pequenas, precisando de comida fresca, mereciam todas essas mães britânicas uma senhora surra de palmadas na bunda,  pararem de serem tão preguiçosas... A falência da sociedade britanica quando a comida caseira, é absurdo, cidades inteiras assim.

4 - Jamie começa o programa pra valer...  Imagina, fazer um tipo corrente do bem. Ensina 1 pessoa, que ensina + 5, e cada pessoa, ensina + 5 e ai vai. A idéia começou muito boa, e logo teve gente afim de participar. A maioria das pessoas, começaram a cozinhar nesta corrente do bem, começaram dizendo que era para comer bem, na verdade, essa turma que iniciou, tinham só intenção de fazer sobrar   algum  dinheiro para outra coisa.
5 - Durante toda saga, aparecem diversos níveis de frustações...
6 - As frutações, obrigam a mudar radicalmente, as coisas durante o processo todo, e até na idéia inicial. Idéia inicial 1 pessoa ensina + 5, e se multiplica, numa conta matemática, é um vírus comportamental excelente. É claro que esse objetivo é + difícil na prática  para os britânicos,   ajusta o programa para 1 pessoa ensina + 1.

7 - Jamie Oliver  viu que mulherada britânica, era coisa + preguiçosa, + desorganizada, + irresponsável, elas não mudavam seus péssimos habitos e comportamento em nada, começava no projeto, topou com cozinha para limpar, topou que precisa ir no supermercado comprar comida, pronto era o suficiente para não fazerem + nada, e não iam em frente. Voltando todas comprarem comida (escolhas péssimas) por telefone, motoboy, almoço / jantar 7 dias por semana.
8 - Jamie muda o foco, já que a mulherada britânica doméstica, não evolui.... Vou ensinar, crianças, adolescente, ok, semente boa, só que demora para pegar, demora anos para esse fruto aparecer. Jamie Oliver  muda  o foco, durante o projeto de novo , ele quer uma solução pra já, agora,  pela 3.a vez. ele resolveu ensinar  os HOMENS a cozinhar. Que homens? Os homens que trabalham, que sustentam as preguiçosas britânicas donas de casa.
9 -  Ajuda de 1 rádio, ajuda de 1 escola, depois com ajuda empresa de mineradores, depois aconteceu algo extradiordinário, a maior empresa da cidade aceitou participar do projeto. As salas de aulas, básico que ele inventou, faça e ensine +1 a fazer, se transformou em aula no jardim, depois aula em estádio, depois aula em ginásio, e mega, absurda produção, aula num galpão industrial enorme,  de fazer todos os funcionários da maior empresa da cidade, participarem do aula faça e ensine + 1 do Jamie. De cair o queixo, de ficar chocada, maravilhada, o que foi aquilo. Você fica dura no sofá assistindo aquilo, impressionante.
10 - Quem assistiu a tudo isso como eu, e claro o próprio Jamie, tem a certeza, que a corrente faça e ensine + 1, funcionou e resolveu o problema, agora todos vão cozinhar em casa, e parar de pedir comida delivery.

11 - Resolveu nada..O programa encerra  com diversos aspectos frustantes. Sentimento  enorme de tempo perdido,  dinheiro perdido, não deu em nada tudo isso... Os britânicos continuaram absurdamente preguiçosos, fizeram e não deram continuidade, voltaram a comprar toda comida, segunda a domingo, 7 dias por semana, almoço e jantar, delivery moto boy. A maior frustação de Jamie, deixou ele desacorçoado, foi de uma pessoa, desde inicio deu sinais que a vida dela mudaria, tipo seria o exemplo,  que a idéia corrente faça e ensine + 1  do Jame funciona,  e no final, a tal pessoa voltou a preguiça de sempre.

12 - Falência da sociedade britânica quanto a comida caseira, é coisa absurda e assustadora. Foram incentivados a comprar 1 frigideira e 1 caderno para anotar as receitas, nem isso tinham. É chococante, a preguiça sociedade britânica. Claro: fazer  fazer comida, tem sair de casa para  comprar comida;  fazer comida, tem lavar a louça; fazer comida, tem que limpar o fogão; fazer comida, tem limpar a cozinha. Isso foi demais para britanicos, até para fazer esta ALMONDEGAS DE CREAM CRACKER. Muito serviço para eles, eles desistiram de fazer até as almondegas, voltaram pedir comida por telefone, para todas refeições, almoço e jantar, em todos os 7 dias da semana.

13 - Todo esse programa de Tv, série de episódios, nasceu o Livro Revolução na Cozinha, se tornou apenas 1 sementinha plantada no deserto da cabeça dos britânicos. Sementes nascem, britanicos, vão levar algumas decadas, para serem como os brasileiros, quanto a comida caseira.

14 - Jamie Oliver x Nigella Lawson, reparem, ficam o tempo todo fazendo comidinhas fáceis. 
14.1 Nigella Lawson -  tem objetivo de levar o britânico para cozinha a qualquer custo, não importa será docinho calórico,  será fritura calórica, comida sem  qualidade nutricional, mexa e tá pronto, liquidificador, processador, vapt vupts são a cara dela. O importante  para Nigella é o britânico faça alguma coisa na cozinha.  O britânico não faz nada, absurdamente nada na cozinha. 
14.2 Jamie Oliver tem o tempo todo um outro objetivo,  uma preocupação nutricional coitado, fundi o cérebro dele o tempo todo, tentando trazer esse nutricional  com diferentes formatos pedagógicos,   para ajudar a sociedade britânica voltar a fazer comida em casa.   
*  Revolução na Cozinha - a história cozinhe e ensine + 1 a fazer, que não funcionou,  
* Jamie at Home - apresentou o prazer de plantar e fazer a comida fresca com que foi plantado 
*  Receitas com Peixes da costa britânica  
*  30 Minutos,  
*  15 Minutos,   
*  Reaproveitando Sobras,  
* Cozinhando com a Família
*  etc...
15 - O livro Revolução na Cozinha, é slogam que engana o consumidor de livros de gastronomia brasileiros. Para os brasileiros, não existe nada neste livro se qualifique como revolução na cozinha. Para mim, para os brasileiros,  é  um livro de receitas  para iniciante mesmo. Iniciante do zero mesmo,  vai cozinhar a 1.a vez na vida, vai pegar numa frigideira pela 1.a vez na vida,  classifico como  receitas para criança, para adolescente fazer, de tão simples,  fáceis são as receitas deste livro. 






Site - Tabela de Preços

https://www.facebook.com/bolospriscila



Instagram @Priscila.Beneducci
                   
31 2564-5124  - 31  9 9689-2342 whatsapp
contato@bolospriscila.com.br     bolospriscila@hotmail.com

4 comentários:

Dona Amélia disse...

Huuum, eu adoro almondegas e essas me deixaram com água na boca.
Já estou copiando a receita e já pensando no livro tb. ;o)
Xerinhos, frô.
Paty

Mylinha disse...

Nossa que delícia do seu cantinho!! Parabéns!! Bjokas

Renata Boechat disse...

Priscila

Adoro o jeito como vc coloca aqui as receitas...numa boa conversa, vai contando tudo pra gente!!! Super!!!

Essas almondegas me deixaram curiosas, deu vontade fazer!

Um abraço pra vc,

Renata

ALTEMIRA disse...

Priscila, cada vez te admiro mais por reconhecer o esforço dos grandes chefs, como você.
Acompanhei com um misto de alegrua e tristeza, pela TV a luta deste renomado chef ,Jamie Oliver, através dos lares e escolas inglesas, e mais recenemente, pelos EUA.
Recentemente tentei, ingloriamente, como médica, estabelecer uma dieta mais do que fácil e barata, tendo em vista o índice alarmenate de obesidade no Brasil.Ledo engano.As pessoas dizem que querem emagrecer, mas de verdade, não o querem.E apenas procuram, sistematicamente, desculpas e culpados para não conseguirem.Parabéns.Com certeza as sementes vão germinar, através de Jamie, você, Marcela Sanches, Cecília Morana, Álvaro Rodrigues, entre outros