Seguidores


I made this widget at MyFlashFetish.com.

terça-feira, 13 de maio de 2008

"Creme Belga"

Creme Belga
A sobremesa clássica
de geladeira de Paulista.

Creme Belga de tacinha ou Creme Belga de refratario? Últimamente ando colocando em taçinhas por frescura, só para mudar a roupinha dele um pouco. Por anos servi em refratário grande, colocando as colheradas em potinhos para cada um comer.

Eu aprecio muito esta sobremesa, por fazer a linha Baratinha com Sucesso e tem um rendimento Tamanho Família. Resolve o problema: Qual docinho sobremesa barato de fazer, para familia toda reunida no final de semana? Creme Belga.

O meu Creme Belga é especial, faço um Creme de Baunilha Aveludado Cremoso, que além de uma textura diferente obtida só sujando a batedeira, ele vem com o sabor de baunilha acentuado.


Creme Belga:



Creme de Baunilha
Aveludado Cremoso

Creme de Baunilha Cozido (cozido na caçarola - ou 12 minutos em potencia alta no microondas dentro de tigela alta, mexer 4 vezes durante o preparo):
  • 3 gemas
  • 4 colheres (sopa cheia ) Maizena ( amido de milho)
  • 1 lata de Leite Moça
  • 750 ml de leite de vaca - 3 vezes a mesma medida da lata
Batedeira - Aveludando o Creme
  • creme cozido ainda quente
  • 1 caixinha de 200 g - creme de leite tipo UHT
  • 2 colheres ( sopa ) essência de baunilha (use da marca Fleschmann, é a baunilha + gostosa do momento, adicionar depois que bater um pouco, quando ele estiver mais amornado)
Espuma Vemelha Cremosa
  • 250 ml de água fervente
  • 1 caixinha de gelatina comum em pó sabor " morango"
  • 3 claras batidas em neve bem firmes


Pilotando a Cozinha com Priscila
: Começe fazendo um creme cozido de baunilha ( na caçarola ou microondas). Despeje quente cozido na batedeira, bata com creme de leite tipo UHT de caixinha longa vida, até praticamente esfria-lo. Quando mais bater, mais aveludado ele fica. Não é para cozinhar o creme de leite junto com ele, ele é incorporado depois de cozido na batedeira. Quando estiver praticamente morninho para frio, pode adicionar " 2 colheres de sopa de essência de baunilha". Despeje este creme em refratario ou taçinhas. Leve para gelar. Agora lave a tigela da batedeira e deixe escorrer de cabeça para baixo. Começe fazendo a gelatina, dissolvendo só em 1 xícara de 250 ml de água fervente. Enquanto esfria, bata as 3 claras em neve firmes. Incorpore a gelatina de morango nas claras, obtendo uma espuma rosada. Despeje sobre o creme de baunilha aveludado. Deixe endurecer. Quando endurecer, a sobremesa ficará com 3 camadas, com 3 cores.


Rendimento Testado pela Priscila:

  • 1 refratario retangular grandão cheio até a borda Marinex transparente (com 3 litros de capacidade - aquele que medindo por fora tem 3 cm de altura na lateral), quer dizer 3 litros de sobremesa pura ( mais que 1 pote de sorvete da Kibon que tem 2 litros de sorvete).
  • ou 12 taças - colocando apenas 100 ml de creme de baunilha aveludado dentro, e completando em cima por igual com a espuma cremosa ( eu vou despejando 1 concha para começar por taça de espuma cremosa, ai eu volto e vou completando de novo) - no final das contas da uma porção individual de 200 ml a 250 ml de sobremesa por taça. Mais que 200 ml de sobremesa individual, já fica uma porção exagerada demais, já testei. A minha taça engana, ela é a Cisper Água de pé alto, com 320 ml de capacidade interna, por isso eu não posso enche-la pra valer.

Creme Belga
Sobremesa de Paulista
Sobremesa Brasileira para os Estrangeiros


Foi morando em Minas que descobri que Creme Belga é uma sobremesa típica de paulista, comum nas geladeiras das familias paulistanas, comum nos buffets de sobremesa dos restaurantes por kilo paulistas.

Já aqui em Minas, toda vez que sirvo é sempre uma novidade. No buffet de sobremesa dos restaurantes por kilo em Minas não existe Creme Belga. O que aparece muito é o Branco e Preto (doce de refratario que os mineiros chamam de Mingau de Baunilha com Mingau de Chocolate, o nosso velho conhecido creme de confeiteiro).

Foi na televisão, em 3 programas diferentes que descobri que Creme Belga é considerado fora do Brasil um doce da Cozinha Brasileira. A 1.a vez foi num bate-papo do Ronnie Von com um Chef (o Todo Seu, a noite na Tv Gazeta), a 2.a vez foi uma entrevista do Amaury Jr. na Tv Record em uma das festas que ele foi, a 3.a vez foi em numa materia de gastronomia exibida no Receita Minuto do Chef Daniel Bork. Todas foram entrevistas de Chefs estrangeiros que vieram ensinar no Brasil, ao perguntar o que eles preparam da Cozinha Brasileira de Doce, tomei um susto: o nosso Creme Belga. Na verdade tomei 2 sustos. Nunca imaginei que o Creme Belga fosse uma sobremesa brasileira, outra que Chef famoso estrangeiro percede-se o tempo dele fazendo sobremesa de gelatina comum de pózinho. Foi só na 3.a reportagem que me convenci que Creme Belga é mesmo considerado um doce brasileiro.

O que o Chef estrangeiro explicou para o Ronnie Von, que o nosso Creme Belga é tão popular no Brasil quanto a Panacotta na Europa. Sobremesa do tipo fácil de fazer e gostosa de comer, que está no caderno de receitas de todo mundo. Que o pessoal não se engane, na Europa toda dona de casa faz Pannacotta. Aquela Panacotta pratica e baratinha, preparad com essência de baunilha e com creme de leite de latinha. Pannacotta com fava de baunilha e creme de leite fresco é coisa de restaurante e de Chef de cozinha.


Fonte: Receita da família. Sobremesa tradicional da Família Beneducci - Vovó Lavínia

tag: "Sobremesa", "Sobremesa Natal", "Reveillon", "sobremesa deliciosa", "Sobremesa família"

4 comentários:

Rafaela disse...

oi Priscila, meu nome é Rafaela, tenho 29 anos e sou de Balneário Piçarras, Santa Catarina.
Adorei sua receita de creme belga
foi a mais simples, fácil, rápida de fazer e também a que rende mais.
Parabéns pelo seu trabalho, vc é muito talentosa mesmo.
beeijo

Patrícia Ventura disse...

Priscila, eu como vc adoro trabalhos na cozinha, porém, vivo com mil trabalhos diferentes ao mesmo tempo e por isso as vezes me perco um pouco. Adorei o seu creme belga, não conhecia, não com esse nome...Uma ocasiÃO fui a uma festa de formatura e a anfitriã serviu uma sobremesa montada em um refratário que era branca e chocolate...Pois bem, a meu ver o creme branco era esse seu e tentando descobri cheguei até aqui...Se vc conhecer essa tal sobremesa me fale...Parabéns e sucesso , bjo da Pat!!!

Priscila Beneducci disse...

Patricia Ventura... Oi td bem! Eu tb fiquei encanada com a sobremesa Branco e Preto, fiz uma versao aqui no blog, acessa para ver:
http://deliciasbypriscila.blogspot.com.br/2009/06/pave-de-shopping.html

beijos Priscila

Anônimo disse...

Oi priscila...amei a receita desse creme!!!fica divino!!!!